A gestão de treinamento para SST na sua empresa - DuaPi Epi

Blog Conteúdos sobre gestão de EPIs,
segurança do trabalho e novidades do segmento.

Publicado em 12 de maio de 2021 na categoria #Artigos

A gestão de treinamento para SST na sua empresa

gestão de treinamento duapi

Você já ouviu falar na gestão de treinamento? Essa prática é essencial para que a segurança dos trabalhadores seja garantida durante a realização das atividades laborais. Sendo assim, as capacitações são importantes para assegurar a Saúde e Segurança do Trabalho (SST).

Um bom local de trabalho depende de um conjunto de diversas práticas e ações para fortalecer a atuação da empresa em todos os setores. Além disso, essas práticas servem para que os trabalhadores possam realizar suas funções de maneira segura.

Mas é preciso garantir que os colaboradores possam atuar de forma correta com todos os processos de segurança em dia. Dessa forma, os treinamentos vão ser úteis para manter todos motivados.

Quando se fala em SST, essas capacitações são muito importantes. Isso porque é necessário treinar os funcionários para o trabalho correto e adequado.

Então, você precisa pensar em como vai fazer para melhorar essa gestão de treinamento. Esse processo é necessário para que seja possível obter uma boa produtividade, além de manter todos os trabalhadores seguros.

Outro ponto é que a empresa é a responsável não só pelo fornecimento dos EPIs, mas também por ensinar a usá-los. O que indica isso é a Norma Regulamentadora nº 6 (NR-6). Sendo assim, a gestão de treinamento na área da SST vai ser útil para:

  • Prevenir acidentes e reforçar a segurança dentro do local de trabalho;
  • Aumentar o conforto, o engajamento e os resultados dentro da empresa;
  • Preparar os trabalhadores para respostas rápidas em caso de acidente;
  • Por fim, reduzir o número de ausência por acidentes, o que ajuda a diminuir gastos na planilha.

Para te auxiliar nessa tarefa, o blog dessa semana vai trazer algumas dicas de como suprir essa necessidade em sua empresa. Confira a seguir e saiba como realizar a gestão de treinamentos de forma correta.

A comunicação interna e a gestão de treinamento

Antes de mais nada, é preciso saber como reforçar a gestão de treinamento com as ferramentas que você tem. Então, tente estimular o senso de compromisso em seus colaboradores, mostrando que eles também precisam cumprir sua parte.

Sendo assim, é importante começar a ensiná-los sobre as melhores formas de garantir a segurança pessoal no trabalho. É por isso que é tão importante abordar a SST nos treinamentos.

Para tanto, o seu setor de RH deve cuidar do que for necessário para que os EPIs estejam sendo usados de forma correta. Isso inclui a criação de ações de conscientização sobre o tema.

gestão de treinamento
A comunicação interna pode ajudar na Gestão de Treinamento

Outro tópico importante é a maneira correta de se armazenar os EPIs, além de cuidar da manutenção e higienização deles. Assim, é possível garantir que os trabalhadores realmente cuidem dos EPIs. Com isso, a empresa também vai economizar no estoque.

O RH deve usar as ferramentas de comunicação interna que a empresa possui. É preciso comunicar e é preciso que a mensagem chegue a todos os cantos e a todos os trabalhadores da empresa. Seja através dos e-mails internos, intranet ou ainda quadro de avisos, esses treinamentos precisam ser vistos.

Porém, é importante entender como a comunicação interna pode ser útil de verdade. Ela deve ser pensada como uma forma de facilitar a relação institucional entre os trabalhadores e gestão, bem como os diferentes setores.

Portanto, o setor responsável deve ensinar os colaboradores sobre os procedimentos importantes para uso dos EPIs. Com isso, as tarefas diárias ganham mais segurança, e é claro que a empresa também fica mais segura contra ações trabalhistas.

Escolha o tipo de treinamento

Agora que a sua comunicação interna está preparada, você deve saber qual é o tipo de treinamento que sua empresa busca. Isso porque existem diferentes métodos, e é preciso inovar na execução deles para prender a atenção dos colaboradores.

Então, foque em descobrir como a gestão de treinamento pode cuidar para que as capacitações sejam interativas e despertem o interesse de quem assiste. Uma abordagem mais participativa pode fazer a diferença na curiosidade e absorção do conteúdo.

Dessa forma, fica mais fácil de garantir com que as normas de segurança estejam sendo seguidas pelos trabalhadores. Algumas formas de treinamento incluem:

Presencial

Através das capacitações presenciais, é possível contar com a presença humana dos trabalhadores. Dessa forma, alguns detalhes podem ajudar o seu treinamento a ser um sucesso. Entre eles, estão:

  • Bate-papo sobre os temas propostos;
  • Interação direta e pessoal;
  • Feedbacks na hora;
  • Recursos visuais como vídeos, textos e até teatro.

Com isso, vai ser muito mais simples de realizar a sua gestão de treinamento. Isso porque será mais fácil manter o interesse dos trabalhadores no conteúdo.

À distância

Atualmente, a tecnologia permite novas formas de se realizar treinamentos na sua empresa. Isso porque as capacitações à distância já são realidade.

Uma das grandes vantagens é a própria interação com os trabalhadores. Isso porque eles vão passar a se sentirem inseridos no mundo digital, principalmente quando se usam celulares.

gestão de treinamentos e a tecnologia
Utilize a tecnologia para facilitar os treinamentos

Mas, também é possível utilizar computadores, tablets e outros aparelhos móveis com conexão à internet. Esses recursos já costumam ser atrativos para manter a atenção de quem acompanha o treinamento, o que facilita a aceitação do conteúdo.

Defina quais capacitações serão oferecidas pela sua gestão de treinamento

Antes de tudo, você deve fazer o plano dos treinamentos, além de tê-lo sempre em mãos. Isso porque é muito difícil realizar novas e importantes capacitações sem saber como elas vão ocorrer.

Sendo assim, é preciso ter um plano organizado de antemão para que as aplicações resultem em retorno positivo. Nada de pegar os trabalhadores de surpresa, o que poderia afetar a saúde e segurança de todos.

Portanto, informe a todos de que é preciso realizar esses procedimentos, quais serão as datas, os assuntos e a duração de cada prática. E não se esqueça de ressaltar as implicações legais e de segurança em caso de falta de capacitações.

Mas, para ter esse controle, você vai precisar saber quais treinamentos são necessários na sua empresa. A melhor dica é avaliar cada setor e seu desempenho. Assim, será possível notar quais são os pontos que merecem mais atenção.

Isso significa que você deverá realizar a identificação de cada um dos problemas de segurança para, então, aplicar as soluções através dos treinamentos. Além disso, decida também qual será a metodologia usada e o tipo de treinamento.

Incentive a autogestão

Já ouviu falar na autogestão? Essa é uma maneira interessante de realizar a gestão de treinamento da sua empresa. Hoje em dia, ela é muito utilizada em grandes negócios. A autogestão indica que as capacitações precisam estimular os trabalhadores a tomarem suas próprias decisões.

Porém, é preciso que essas decisões sejam feitas com segurança e de maneira correta. Então, com esse saber, os trabalhadores poderão resolver eventuais problemas que possam vir a ocorrer no dia a dia. Entre eles estão os pequenos acidentes de trabalho e o armazenamento incorreto dos EPIs.

autogestão
A autogestão pode ajudar na segurança dos trabalhadores

Assim, cada trabalhador terá uma maior autonomia sobre suas próprias decisões e maneiras de resolver essas situações. Dessa forma, algumas práticas e processos não vão necessitar de autorização e liberação hierárquica.

Mas, antes de implantar a autogestão, é preciso ter certeza de que os colaboradores estão bem instruídos sobre todas a ações de segurança. Isso porque existem diversos casos diferentes quando se fala em SST e acidentes. Além disso, todos eles precisam ser cobertos pelo treinamento.

Engajamento

Não basta apenas realizar as capacitações. É preciso que os trabalhadores participem de forma ativa. Sendo assim, você deve saber como engajar a equipe nas instruções passadas nas capacitações, principalmente de forma prática.

Os funcionários precisam se envolver para que a cultura organizacional seja reforçada. Para tanto, é possível utilizar comunicação interna, como você já viu acima. É impossível manter um ambiente de trabalho seguro sem a participação de quem ali atua.

Então, cuide para que todos os funcionários possam assistir os treinamentos, além de garantir com que o engajamento esteja em alta. A falta de comunicação pode ser a causa de diversos acidentes no local de trabalho, podendo até terminar em fatalidades.

Utilize uma plataforma para a gestão de treinamento

Por fim, é possível melhorar a sua gestão de treinamento através de um sistema que automatize esse procedimento. Isso porque a tecnologia veio para reforçar o trabalho em todos os setores, incluindo no controle das capacitações.

Então, os profissionais responsáveis por realizarem essa função dentro da empresa poderão contar com um suporte mais direto e assertivo. Assim fica mais fácil de tomar as melhores decisões na hora de planejarem e executarem as capacitações.

Com todos esses métodos, vai ser muito mais simples de realizar a gestão de treinamento da sua empresa. E nós da DuaPi Sistemas queremos te ajudar nessa tarefa.

Nosso software de controle de EPI, o DuaPi EPI, possui funcionalidades voltadas para a gestão dessas capacitações. E não é só isso. Ele oferece muito mais para facilitar o cotidiano da sua empresa.

tela controle de epi duapi
O DuaPi EPI pode te ajudar na Gestão de Treinamento

Para saber mais, entre em contato conosco ou cadastre-se para um teste grátis de 14 dias. E não deixe de acompanhar nosso blog. Toda semana temos textos novos para te auxiliar no controle de EPIs da sua empresa.

Compartilhe este post:
Deixe seu comentário:Deixe seu comentário: