Abril verde: 5 dicas para uma boa campanha interna - DuaPi Epi

Blog Conteúdos sobre gestão de EPIs,
segurança do trabalho e novidades do segmento.

Publicado em 29 de março de 2022 na categoria #Artigos

Abril verde: 5 dicas para uma boa campanha interna

abril verde duapi

Prevenir os acidentes de trabalho é uma das causas mais nobres que as empresas podem apoiar. É por isso que o Abril Verde é tão importante. Essa campanha serve para conscientizar sobre a importância dessa prevenção.

Mas como levar o Abril Verde para dentro da empresa? E será que é possível realizar uma campanha efetiva e atrativa? Acompanhe o texto e entenda mais sobre o assunto e confira 5 dicas para realizar o Abril Verde na sua empresa.

O que é o Abril Verde?

Primeiramente, é preciso saber o que realmente é o Abril Verde. Ele nada mais é do que uma grande campanha de conscientização sobre Saúde e Segurança do Trabalho. A ideia é justamente fortalecer os cuidados com a prevenção de acidentes e doenças de trabalho.

Esse tipo de cautela é necessária para que os trabalhadores possam atuar com mais segurança durante o cotidiano. É por isso que todos precisam estar em dia com os conceitos e práticas de segurança, evitando possíveis acidentes e condições médicas.

Dessa forma, o Abril Verde vem para auxiliar a reforçar essas práticas e saberes. Com isso, é mais fácil reduzir, ou até eliminar, os casos dentro da empresa. Mas isso só é possível com a participação de todos, incluindo trabalhadores e empresa.

Quando surgiu?

O Abril Verde surgiu por conta de um acidente de trabalho em uma área de mineração norte-americana, em abril de 1969. Na ocasião, 78 funcionários vieram a óbito por conta de uma explosão dentro da mina.

Esse acontecimento mudou as regras de exploração de solo do local, além de influenciar a criação de uma campanha mundial para prevenção de acidentes. Em 2003, a Organização Internacional do Trabalho definiu o dia 28 de abril, data da explosão, como Dia Mundial de Segurança no Trabalho.

Outra data que fortalece o Abril Verde é o Dia Mundial da Saúde, celebrado no dia 7 de abril. Por isso, abril foi escolhido como o mês da conscientização sobre acidentes e doenças ocupacionais.

No Brasil, essa data passou a ser comemorada em 2005, com a Lei n.ª 11.121. Além disso, no país, o Abril Verde acabou sendo simbolizado pelo já tradicional laço na cor verde, que remete à segurança laboral. Então, essa é uma boa opção para fortalecer a segurança nas empresas.

Importância da conscientização

Mas será que o Abril Verde é realmente assim tão importante? A resposta está nos números: atualmente, o Brasil é o 2º país do G20 com mais acidentes de trabalho fatais. Entre 2012 e 2020, mais de 21,5 mil trabalhadores brasileiros morreram em acidentes trabalhistas.

Sendo assim, fica claro que a prevenção de acidentes deve ser amplamente priorizada pelas empresas e trabalhadores. A campanha do Abril Verde vem justamente para fortalecer a busca pela segurança de todos. Por isso ela é tão importante.

A busca por um ambiente de trabalho mais seguro não é um trabalho apenas da empresa ou dos trabalhadores, mas uma atividade em conjunto. Ao trabalharem com um mesmo objetivo – reforçar a prevenção -, todos saem ganhando com os bons resultados que podem ser alcançados.

Mas, para que essas melhorias possam realmente ocorrer, é preciso justamente realizar esse trabalho de conscientização que o Abril Verde traz. Então, se faz necessário montar uma boa campanha interna, compartilhando informações e conhecimento sobre a cultura de prevenção.

5 dicas para levar o Abril Verde para a sua empresa

Como visto acima, o Abril Verde é muito importante para que seja possível fortalecer a prevenção de acidentes e doenças do trabalho. Além disso, como muitos acidentes de trabalho ocorrem no Brasil, a campanha ganha ainda mais relevância.

leve o abril verde para a sua empresa

Portanto, nada mais justo do que preparar uma boa campanha interna no seu local de trabalho. Para isso, será preciso criar novas práticas de segurança, além de rever outras mais antigas. E é claro, tudo isso enquanto o conhecimento é repassado para os trabalhadores. Confira 5 dicas:

Líderes e gestores preparados

Antes de mais nada, é preciso que gestores e líderes de equipe estejam preparados para as ações do Abril Verde. Além disso, eles também devem estar sempre alinhados com a ideia de fortalecer a prevenção e a segurança.

Isso é importante pois, como você sabe, os gestores precisam liderar pelo exemplo. Outro ponto é que, com o preparo, os líderes podem guiar os trabalhadores no dia a dia. A ideia é inspirar e auxiliar na busca por soluções e pela prevenção.

Então, antes de iniciar os trabalhos para o Abril Verde, considere treinar e capacitar os líderes e gestores da empresa. Dessa forma, fica mais fácil de implementar a campanha, além de fortalecer o engajamento e a recepção de conteúdo por parte dos trabalhadores.

Conteúdo para todos

O conhecimento é uma das principais ferramentas para fortalecer a prevenção de acidentes na empresa. Então, com a ajuda dos líderes de equipe, o Abril Verde deve trazer diversas fontes de conteúdo para os trabalhadores.

Essas informações precisam falar abertamente sobre as técnicas e conceitos necessários para que a segurança seja mantida durante o trabalho. Então, considere organizar palestras e workshops sobre temas relevantes para a prevenção.

Se a sua empresa não possui um cronograma de treinamentos e outros eventos desse tipo, essa é uma boa oportunidade para começar. Se for preciso, considere buscar a ajuda de especialistas no assunto, fortalecendo as instruções de segurança.

A ideia é combinar gestores e líderes preparados para guiar as equipes com trabalhadores que saibam como prevenir situações de risco. Se isso for bem executado, o número de acidentes pode ser reduzido ou até eliminado.

Informação acessível

Não baseie o compartilhamento de informações apenas nos treinamentos e palestras. Durante o Abril Verde, é comum que as empresas enfeitem os espaços de trabalho com adereços na cor verde. Em geral, a decoração mais pedida é o famoso laço verde da campanha.

Porém, não é preciso parar por aí. Você pode, por exemplo, imprimir flyers educativos para distribuir entre os trabalhadores. Outra ideia é colar cartazes em locais de grande movimentação de colaboradores, como placas de avisos.

Se a empresa possuir alguma ferramenta de comunicação interna, também é possível utilizá-la para reforçar a campanha. Seja como for, o importante é repassar detalhes sobre a importância de prevenir os acidentes de trabalho.

Voz aos trabalhadores

Uma das melhores dicas para um bom Abril Verde na empresa é abrir espaço para que os trabalhadores possam falar. Isso porque não basta apenas repassar o conhecimento: é preciso entender a realidade de trabalho dos colaboradores.

Para tanto, é preciso dar voz para todos. Então, na hora de organizar a campanha, não se esqueça de oferecer ferramentas para que todos consigam dar sua opinião. Outra vantagem é que isso vai permitir coletar o feedback dos participantes.

voz aos trabalhadores no abril verde

Essa é uma ótima forma de compreender como está indo o seu Abril Verde. Assim será possível ajustar eventuais erros e situações problemáticas, melhorando o evento cada vez mais. Portanto, não se esqueça de abrir espaço para o debate.

A iniciativa pode ser mais uma maneira de incentivar a troca de ideias e sugestão de novos processos de segurança. Sendo assim, nada mais justo do que permitir o debate na campanha interna de Abril Verde da sua empresa.

Abril Verde e SIPAT

Por fim, uma ótima dica para um bom Abril Verde é organizar a SIPAT para esse período. Em geral, essa semana costuma acontecer próxima do mês de setembro. Mas, saiba que isso não é uma regra, e o evento pode ser realizado em qualquer período.

A ideia aqui é utilizar a SIPAT justamente para abordar os temas importantes para a prevenção de acidentes e segurança no trabalho. Isso porque esse evento costuma trazer palestras, workshops e atividades voltadas para o tema.

Lembre-se de que a SIPAT é obrigatória e deve ser realizada mesmo com as limitações que a pandemia trouxe para as empresas e trabalhadores. Então, junte o útil ao agradável e combine as duas campanhas, fortalecendo ambas.

Compartilhe este post:
Deixe seu comentário:Deixe seu comentário: